top of page

Dois meninos de 10 anos encontrados a trabalhar num restaurante McDonald’s até às 2h da manhã


Departamento de inspeção do Trabalho dos EUA descobriu ainda que o trabalho das crianças não era pago / Créditos de imagem: Pixabay

Dois meninos de apenas 10 anos foram encontrados a trabalhar num restaurante McDonald’s, em Louisville, nos EUA, com turnos que, por vezes, iam até às 2 da manhã, denunciou o Departamento de inspeção do Trabalho dos EUA, esta terça-feira.


A informação surgiu durante uma investigação sobre as violações da lei do trabalho infantil, nos EUA. A agência descobriu ainda que três proprietários de mais de 60 estabelecimentos McDonald's nos estados norte-americanos do Kentucky, Indiana, Maryland e Ohio, "empregaram 305 crianças, para trabalhar mais do que as horas legalmente permitidas e realizar tarefas proibidas por lei para jovens trabalhadores", revelou o Departamento do Trabalho em um comunicado, citado pela CNN Internacional.

“Os investigadores também determinaram que as duas crianças de 10 anos estavam empregadas - mas não pagas - e que às vezes trabalhavam até as 2 da manhã”, refere ainda o comunicado.

O responsável do restaurante onde as crianças estavam a trabalhar garantiu à CNN que estes apenas tinham ido visitar o pai, o gerente noturno do estabelecimento. Os outros restaurantes onde foram encontrados casos semelhantes não quiseram prestar comentários.

bottom of page