Luís Filipe Vieira foi suspenso dois meses pela Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol. O presidente do Benfica foi punido por declarações depois do jogo dos encarnados com o Belenenses a contar para a 6ª jornada do campeonato, em setembro do ano passado. Na altura, Vieira deixou duras críticas ao árbitro da partida, Jorge Tavares.