O Ministério da Saúde abriu concurso para contratar 200 clínicos gerais.
Quase metades das vagas são no Algarve, onde há quase 140 mil doentes sem médico de família.
O centro de Saúde de Lagos é o caso mais grave.