Decorreu este fim de semana na Praia do Pisão, em Santa Cruz, Torres Vedras, a quinta edição do Vert Pro/Am que juntou cinquenta bodyboarders vindos de norte a sul de Portugal. Foram dois dias plenos de bodyboard e convívio onde, apesar de se tratar do início do verão, as ondas marcaram presença e ajudaram claramente ao espetáculo.

No primeiro dia, com ondas de um metro e praticamente sem vento, foram realizadas as rondas 1, 2 e 3. Ficaram por realizar apenas dois heats da ronda 3. Mesmo assim são de destacar os desempenhos de Paulo Letra, André Alves, Guilherme Godinho, Francisco Monteiro, Dino Carmo, Pedro Fernandes e Tomás Alves que se apuraram aos 1/4 de final com grandes desempenhos.

Para surpresa de muitos, eliminados nesta fase ficaram alguns riders de maior traquejo competitivo, como, por exemplo, Bruno Sales, João Imaginário, António Saraiva, Samuel Ferreira, João Tudella, Gonçalo Soares e Nicolas Rosner.

No segundo dia, o nevoeiro ainda tentou pregar uma partida às primeiras horas da manhã, forçando a uma pausa de cerca de uma hora, mas este acabou por dissipar e permitir a continuidade da competição com a realização das fases finais.

Daniel Fonseca, jovem bodyboarder de 21 anos, esteve imparável ao longo de todo o evento e nos vinte e cinco minutos que compuseram a final manteve a mesma toada e fez o que lhe competia. O promissor atleta penichense venceu com duas notas fortes, totalizando uma pontuação de 15.00 pontos.

Já Silvano Lourenço, também de Peniche, que havia vencido a prova o ano passado e defendia o troféu, terminou desta vez em segundo lugar, com 13.33 pontos. Na terceira posição surgiu o nome de Filipe Raposo, da Ericeira, com 11.70 pontos, enquanto Hélio Conde, de Peniche, teve que se contentar com o quarto lugar ao somar apenas 7.67 pontos.

Ao nível de troféus paralelos, o lisboeta Manuel Carvalho, de apenas 13 anos, foi o Melhor Júnior (Sub-16) do evento. Já Guilherme Godinho foi considerado o Melhor Atleta Local ao conseguir alcançar as meias-finais da prova.

Na Expression Session de Dropknee, que foi realizada no dia de sábado durante meia hora, foi Hélio Conde quem saiu na frente ao realizar uma enorme rasgada.