“Menina e Avestruzes”, exposição da autoria de Gina Frazão, vai estar patente na Fábrica das Histórias – Casa Jaime Umbelino, em Torres Vedras, entre os dias 12 de dezembro e 7 de março.

Nesta exposição, baseada no universo poético da autora, “numa espécie de diálogo com as sombras, saltitam (…) uma menina e várias avestruzes. Percebemos, pelos breves instantes que nos dá a ver, que há um segredo central, uma adesão, uma amizade que as une, que parece grande e as articula num total encontro. E olhando a menina e as avestruzes, balançando ao sabor do vento, numa espécie de movimento imóvel a que podemos chamar vertigem, não podemos deixar de nos perguntar aonde vão. Aonde vão esta menina e as avestruzes?”

As obras desta exposição estarão à venda, oscilando os seus preços entre os 300 e os 2 mil euros.

A inauguração da mesma terá lugar no dia 12 de dezembro, pelas 18h.

Também no dia 12 de dezembro, pelas 18h, na Fábrica das Histórias – Casa Jaime Umbelino, será inaugurada a exposição “Armazém 14”.

Esta mostra será composta por brinquedos antigos de coleções privadas (de Octávio Neves e de Diana Duarte) que são acompanhados, cada um, de uma história criada por Ana Meireles e de uma ilustração da autoria de uma artista local (de Catarina Sobreiro ou de Diana Duarte ou de Joana Maia ou de Patricia Sobreiro).

Em “Armazém 14 “através de alguns brinquedos, bonecas de papelão, ursos de peluche, carrinhos de lata, soldadinhos de chumbo… escolhidos de coleções particulares”, ir-se-á “fazer uma longa viagem ao reino da infância, não a infância deste ou daquele mas a infância de todos os que foram crianças no século passado.

Trata-se de um conjunto de brinquedos “especiais” porque trazem consigo uma história registada numa folha de papel, carregam-na como os outros objetos levam uma etiqueta informando da sua composição material e, por isso, mais do que simples brinquedos, a quem a criança oferece um lugar na sua vida, eles próprios têm uma vida, que nenhuma criança pode alterar”.
“Armazém 14” vai estar patente na Fábrica das Histórias – Casa Jaime Umbelino até 6 de janeiro.

No dia 13 de dezembro, a partir das 15h, também neste local, será lançado um CD com músicas e letras da autoria de Gisela Canelhas e de um coro de meninos, o qual estará disponível para venda por 10€ (na Fábrica das Histórias, no Museu Municipal Leonel Trindade, nos postos de turismo de Torres Vedras e de Santa Cruz e no Centro Interpretativo do Castelo de Torres Vedras), num pacote que conterá 14 postais, com as referidas histórias criadas por Ana Meireles e ilustrações da autoria de Catarina Sobreiro, Diana Duarte, Joana Maia e Patricia Sobreiro.

Esse lançamento acontecerá no âmbito da apresentação do Projeto “Deixar falar os Brinquedos”. Nesse encontro de “miúdos” e “graúdos”, e depois de uma visita à exposição “Armazém 14”, o Coro dos Brinquedos da Academia do Som de Lisboa apresentará um miniconcerto intitulado “Os brinquedos”. Posteriormente, o Coro de Leituras Nós de Vozes (constituído por Ana Cláudio, Ilídia Janela, Natércia Silva e Olga Ferreira) apresentará a história “O Baloiço”, e, finalmente, em conjunto, ir-se-á falar de brinquedos.

Recorde-se que a Fábrica das Histórias – Casa Jaime Umbelino, situada na Rua Maria Barreto Bastos, n.º 36, em Torres Vedras, está aberta de 3.ª a 6.ª feira entre as 10h e as 13h e as 14h e as 19h e ao sábado entre as 10h e as 13h e as 15h e as 18h.